Grupo Allin dobra de tamanho em seis meses. - All iN

Grupo Allin dobra de tamanho em seis meses.

Empresas de grande porte já descobriram a força do e-mail marketing na hora de falar com o cliente e impulsionar as vendas, agora esta ferramenta de marketing começa a conquistar também empresas de médio e pequeno porte e em todos os segmentos eletroeletrônicos, artigos esportivos, entre outros.

Segundo o e Bit, a expectativa de crescimento do e-commerce para 2010 tanto do faturamento quanto do número de internautas é de 35%. E em algumas lojas online de grande porte, o faturamento proveniente de campanhas de e-mail marketing representa até 30% do total.

A Allin, uma empresa de tecnologia da comunicação especializada em performance, que tem entre os clientes a Sack’s, Ponto Frio, Zap, Buscapé, Extra, Ricardo Eletro, eFacil, tem acompanhado de perto esse crescimento. O resultado disso foi o aumento do seu tamanho em 100% nos últimos seis meses

“Estamos experimentando um momento especial na Allin porque fizemos o caminho contrário, começamos com clientes grandes porque tínhamos em mãos um serviço sem comparação”, disse Victor Popper, Chief Executive Officer (CEO) da empresa. A metodologia criada garante que os emails disparados vão chegar na caixa postal dos clientes, ou seja, não vão parar no lixo eletrônico. “Associamos as melhores práticas com o melhor do cloud computing e, desta forma, atingimos a uma velocidade de 1,6 milhões de e-mails por hora”, disse Popper.

O segredo do sucesso do e-mail como ferramenta de marketing está no baixo custo e na velocidade. Para enviar dez mil e-mails, por exemplo, seus clientes não investem mais de R$ 45,00, e é possível trabalhar com oferta relâmpago, algo impensável nos tempos da mala direta impressa. Empresas de grande porte enviam 40 milhões de e-mails por mês. O problema é garantir que o e-mail vai chegar ao destinatário de maneira correta. Segundo Popper, o diferencial está em não trabalhar com clientes que utilizam o SPAM ou que não atendam o código de autorregulamentação do e-mail marketing. “Quem faz isso vai parar em uma lista negra e passa a ser visto como SPAMMER, deletado imediatamente”, explica.

Popper também aconselha aos funcionários de empresas que utilizam email marketing a sempre verificar suas caixas de SPAM para tentar identificar as ferramentas que realizam disparos de emails não autorizados. “Se um funcionário identificar o recebimento de um SPAM através da mesma ferramenta que a própria empresa com quem ele trabalha utiliza como fornecedora, deve alertar imediatamente a área de TI, pois os disparos de e-mails opt in de sua empresa provavelmente serão realizados com a mesma estrutura de servidor. Estrutura essa que, ao ser dividida com um SPAMER, fica contaminada e prejudica o disparo dos clientes que enviam apenas e-mails eticamente corretos”.

Perfil- A All in Media foi fundada em novembro de 2006 e oferece projetos e soluções para a Internet. Reúne um time de profissionais experientes vindos das áreas comercial, financeiro, criação e tecnologia. Entre os clientes da empresa hoje estão, Sack’s, Ponto Frio, Zap, Buscapé, Grupo Pão de Açúcar, Ricardo Eletro, eFacil, Tintas Coral, entre outros de tamanhos e faturamentos variados. Nos últimos anos vem experimentando um crescimento exponencial na área de e-mail marketing graças a uma metodologia diferenciada de envio, com garantia de resultados superior à da concorrência.

Fonte: Revista Fator Brasil
Link: http://www.allinmail.com.br

Comunicação All In Mail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *