Design para e-mail marketing: como otimizar a experiência do leitor? | All iN

Design para e-mail marketing: como otimizar a experiência do leitor?

Design para e-mail marketing, felizmente, não é algo tão difícil quanto parece. Mas pensar a experiência do consumidor nessa etapa é tão importante quanto em todas as outras. O lado bom é que não é preciso ser nenhum especialista para conseguir criar campanhas e eficientes com uma estética excelente.

A maioria dos serviços de e-mail marketing oferece templates predefinidos para que você possa escolher qual utilizar. Mas ainda assim há algumas decisões a tomar. Quais cores e fontes usar, que tamanho de fonte aplicar e quanto texto incluir em suas mensagens, por exemplo.

Neste post, você entenderá tudo o que é preciso saber sobre design para e-mail marketing para criar campanhas perfeitas, otimizar a experiência do leitor e obter resultados. Vamos lá?

Use um número limitado de fontes

Uma boa regra para o design de e-mail marketing é limitar o número de fontes que você utiliza em seu layout. Duas tipografias diferentes já são o suficiente, considerando que você use uma delas para os títulos e a outra para o corpo do texto.

Utilizar fontes demais pode acabar confundindo o seu leitor e deixando o texto do seu e-mail marketing confuso. Além disso, podem acontecer problemas de compatibilidade dependendo da fonte que você escolher.

A fim de melhorar a experiência do usuário, dê preferência a tipos como Arial, Verdana e Times New Roman que têm alta leiturabilidade (ou seja, são fáceis de ler) e estão instaladas nos computadores de todo mundo.

Se você optar por uma fonte pouco popular, é provável que ela não esteja presente na máquina do seu destinatário, e o computador fará uma substituição automática que pode acabar destruindo a formatação original.

Personalize e seja objetivo

Nunca envie um e-mail marketing que não seja personalizado, com o nome do destinatário. Essa estratégia é fundamental para capturar a atenção dele e aumentar as chances de o seu conteúdo ser lido.

Falando em conteúdo, seja objetivo! Evite enrolação e vá direto ao ponto. Um e-mail marketing deve ser curto e conciso para ter o máximo de eficácia e para evitar que seu leitor perca a paciência.

Deixe espaços de respiro

Respiro é o espaço em branco, entre um conteúdo e outro, no qual o leitor tem a oportunidade de descansar seu olhar. Sem ele, as informações podem se acumular e usuário costuma ficar sobrecarregado, sem saber por qual trecho começar sua leitura.

Configure espaços de respiro entre os títulos, artigos e outros conteúdos incluídos em seu e-mail marketing. O ideal é manter pelo menos 5px de distância entre um componente e outro.

Use elementos mobile friendly

Hoje, 53% dos acessos a e-mails é feito no mobile. Por isso, é mais importante do que nunca ter uma estratégia para esses dispositivos no design para e-mail marketing.

Incorpore elementos mobile friendly, como botões amigáveis ao toque e layouts simplificados. Eles vão ajudar os usuários a ter acesso ao conteúdo dos e-mails e visualizar melhor as informações.

Cuidado com vídeos

A inclusão de vídeos em e-mails ainda é uma tendência nova. E, como resultado, eles não renderizam tão bem na maioria dos provedores de e-mail disponíveis no mercado.

De fato, boa parte deles sequer permite a sua visualização por padrão, o que significa que seu vídeo não pode sequer ser integrado ao e-mail que chega às caixas de mensagens dos seus leitores.

Para otimizar o número de visualizações, faça o seguinte: tire um print do seu vídeo e sobreponha o play sobre essa imagem em um editor, como o Photoshop. Inclua então essa imagem no e-mail, como um link para a página em que o vídeo está hospedado, e pronto!

Dessa forma você pode medir com maior eficiência as conversões (e cliques) em seus vídeos e não corre o risco de que seu e-mail marketing chegue à caixa de mensagens do usuário com trechos em branco.

Pense na psicologia das cores

A psicologia das cores é a disciplina do design que diz que a forma como você escolhe e combina elementos de cor influencia na recepção da sua mensagem. Por isso, pense seus layouts a partir dela.

Lembre-se de que cores primárias como o vermelho, amarelo e o azul representam emoções e sentimentos e são parte da mensagem que você está tentando enviar. Portanto, se quiser passar confiança escolha o azul, para estimular o otimismo vá de amarelo e ao demonstrar energia e vitalidade priorize o vermelho.

Use o número certo de imagens

Quanto menores as imagens incluídas em um e-mail, melhor. Você certamente não quer que elas percam resolução, mas arquivos de imagem pesados aumentam demais o tempo de carregamento de um e-mail, e isso impacta o sucesso das suas campanhas.

Prefira o JPG e o GIF ao PNG. Por uma série de motivos, este último formato tem um carregamento mais lento, que pode prejudicar o desempenho do seu e-mail marketing e oferecer uma experiência pior ao usuário.

Além disso, você deve evitar usar imagens demais ao longo de um e-mail, tentando sempre manter um equilíbrio entre colunas de texto e imagem. Isso ajudará você a se ficar longe da pasta de SPAM da maioria dos provedores e aumentará o engajamento do leitor.

Crie sempre um e-mail contendo somente texto

Nós sabemos que nem todos os provedores renderizam e-mails em HTML. Por isso, plain text será útil para você em muitos casos. Além de funcionar como um backup do seu e-mail, caso o destinatário não consiga visualizar conteúdos rich text, essa versão também sinaliza para filtros antispam que a sua mensagem não é maliciosa.

Faça questão de incluir na cópia em texto do seu e-mail tudo que for colocado na versão em HTML. Na maioria dos editores de e-mail marketing do mercado, você pode fazer isso com apenas alguns cliques.

Inclua o CTA em um local estratégico

Seu e-mail marketing provavelmente tem uma call to action e ela é muito importante para a sua campanha. Incluir a CTA no lugar certo da mensagem é essencial à estratégia. Coloque-a perto do topo do seu e-mail, já que leitores costumam escanear mensagens de marketing antes de ler todo o seu conteúdo.

Se a oferta for boa o bastante para valer seu tempo, eles continuarão a leitura. Mantenha o mobile em mente e crie botões que são grandes o bastante para serem clicados via touchscreen em um dispositivo móvel.

Crie links para todos os itens apropriadamente e ofereça uma versão web da sua newsletter. Assim, caso algo na sua formatação não fique adequado no leitor de e-mail escolhido pelo seu interlocutor, ele sempre poderá ver uma versão completa do que você tinha em mente.

Lembre-se também de oferecer uma forma simples para que o usuário se descadastre da sua lista de e-mails. Assim, você garante uma boa e completa experiência de usuário.

E então, agora que você já sabe tudo sobre design para e-mail marketing, que tal mostrar essas informações para alguém que também pode precisar? Compartilhe este post nas suas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *